Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

quinta-feira, 2 de abril de 2015

Quem provou do Cuscuz, gostou!

Aumentar texto Diminuir texto
“ Veja bem o que se passa 
 No inicio dessa peça 
Quem tem fome tem pressa 
Quem tem boca não há nada que impeça 
 Matar a fome é só o que interessa 
O bicão ainda vira o rei da festa 
 E ai vai nossa receita 
Uma medida de suspeita 
Uma porção de alegria
 Um bocado de azar 
 Uma pitada de carniça 
Duas doses de preguiça 
Um tanto de exagero 
Com o cheiro bem gostoso 
 Apresentamos... O cuscuz fedegoso.” 

 Um pedinte, uma cozinheira, uma rezadeira, e um guarda, tornaram a rua palco das mazelas da nossa sociedade contemporânea: enquanto uns nada tem, muitos tentam tirar proveito do mínimo que seja. A peça O Cuscuz Fedegoso, do Grupo Buraco D´Oráculo, apresentada na última sexta-feira de março, dia 27, em Franco da Rocha, se usou da venda de uma iguaria da culinária brasileira como pretexto para discutir as relações sociais de poder.
Os personagens grotescos, ganharam o público nos primeiros instantes do espetáculo, ao envolvê-los com a dança popular, e a música ao vivo, que complementou todas as cenas do espetáculo.
Dos velhos às crianças, todos que por alí passaram, se divertiram com a peça, seja pelas situações cotidianas colocadas de forma aumentada, fazendo-os pensar ao rir, ou apenas pelos corpos e gagues que pareciam ter saído de um desenho animado.
O Cuscuz Fedegoso é o terceiro espetáculo do grupo a comparecer na região através do projeto “ConPoeMa Recebe...”, contribuindo com a democratização do acesso à arte e cultura ao ocupar as ruas e praças das cidades, possibilitando que todos, de qualquer idade, cor, ou classe social fruam de um de seus direitos mais básicos, e possam reinventar a sua realidade.

O projeto é uma realização da Associação Cultural ConPoeMa, e contou nesta edição com a co-realização da Secretaria Municipal de Cultura de Franco da Rocha.
Todos os meses as cidades de Franco da Rocha e Francisco Morato recebem uma ou mais atividades artísticas, oferecidas gratuitamente à população.
Fique ligado!
Confira através deste texto as próximas atividades!
Acesse: www.teatrogirandola.com.br ou 44888524, para mais informações!