Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Brigada Rock traz sonzeira e solidariedade ao CSU de Morato

Aumentar texto Diminuir texto


Domingão foi dia de deitar o cabelo no CSU em Francisco Morato com o Brigada Rock, evento organizado pela Helltattoo e Mustache Music Studio. O  bacana evento trouxe o rock pesado de volta ao anfiteatro Laura Bressane e conseguiu reunir diversas e variadas gerações de apaixonados pelo estilo, além de proporcionar uma ótima transformação do combalido espaço que (espera-se) possa inspirar nossos dirigentes a fazer a tão adiada reforma do local. Pra entrar, a galera doava um quilo de alimento não perecível que no final foi doado a uma instituição da cidade, o que somou e engrandeceu ainda mais a iniciativa privada e independente (importante que se diga), que fora a liberação do espaço, não teve outro tipo de apoio público.

Logo de cara, o Saltin' Peppers trouxe seu competente e afiado cover do Red Hot Chili Peppers para ligar os motores do pessoal que marcou presença no evento, fazendo um set bem completo, misturando as mais populares às antigas, que combinado à “pegada” de palco igualmente inspirada, deu o tom do que viria no restante da tarde.



Na sequência veio o hardcore altamente eletrificado e autoral do Narcossíntese que botou fogo de vez na coisa toda, agitando a roda da galera (deixando de cabelo em pé os bombeiros que acompanhavam o evento), com direito a ampla participação da galera (que inclusive subiu no palco e cantou uma) e bis de “Crucificados pelo Sistema” do Ratos de Porão.



Já no finzinho da tarde, foi a vez da galera gente finíssima do In F.U.G.A. trazer sua mistura de punk/hardcore (e RAP, por que não? - quem tava lá vai entender ;) autoral e altamente explosivo para cima do palco. Além da pancada sonora que botou a galera pra se mexer, os veteranos também trouxeram algo até mais importante: muita atitude e ideia forte (coisa que muita banda por aí se esquece). Definitivamente uma lição de atitude, consciência, positividade e energia.



E pra fechar em grande estilo, coube ao Endrah dar a marretada final que fechou a festa. A banda que está em sua turnê “The Culling Brazilian Tour 2014” pelo Brasil, aportou em terras moratenses com a mistura nervosa de Hardcore e Death Metal, de primeiríssima linha, altamente técnico, carregado de altas doses de adrenalina e arrebentou de vez com as estruturas (inclusive do ouvido desse que escreve que ainda tá meio surdo). Quem viu, viu; e não se arrependeu!



Mesmo com os problemas enfrenteados (entre outros, duas das bandas que iriam se apresentar tiveram problemas de última hora), os organizadores do Brigada Rock conseguiram contornar as situações e junto com as bandas, em especial Narcossintese e In F.U.G.A. que foram chamadas de última hora e não deixaram a desejar, estão de parabéns! Evento bacana, tranquilo, sem confusão, com estrutura para os artistas (não só equipamento, mas camarim também, né!) e preocupação com quem esteve lá (tanto público quanto artistas). E o principal: feito de forma independente e autônoma! Valeu, pessoal! Morato realmente tá precisando de mais coisas assim. Quem não foi, perdeu!


Pra terminar um detalhe curioso: a instituição que recebeu as doações foi um abrigo para idosos e o alimento mais arrecadado foi feijão. :)


.