Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

terça-feira, 29 de julho de 2014

4º IntegrArte junta a galera no centro de Mairiporã, mesmo com frio!

Aumentar texto Diminuir texto
Sexta demos uma esticadinha até Mairiporã para prestigiar e curtir o 4º IntegrArte realizado pelo pessoal do #NósCultura (movimento da sociedade civil na cidade) em parceria com a prefeitura de lá. O evento super bem organizado, com som bacana e super bem localizado também, reuniu diferentes expressões, linguagens e público de diferentes faixas etárias e dos mais variados tipos, no centro de Mairiporã. Além da exposição das ilustrações e charges do nosso querido parceiro Betto Souza (que deu as impressões para quem compareceu), quem enfrentou o frio e deu uma chegadinha lá, pode conferir também os artesanatos do Neno Arts e a projeção mapeada no palco por onde passaram as três bandas que esquentaram o pessoal presente: Seven Days, Doutor Jupter e Ópio.

A noite começou com o Seven Days, que apesar da pouca idade, mandaram super bem, mostrando muita competência em todos os instrumentos, com um repertório, até um pouquinho eclético demais. Na sequência, nossos amigos do Doutor Jupter (de quem já somos fãs e suspeitos para falar), trouxe seu folk moderno e maduro, com especial destaque à inclusão do acordeon, ao novo projeto e ao som maravilhosamente levado que vai muito além do registro no CD. Daí, uma pausa para vermos os meninos e meninas do grupo de teatro Amen-Do-In que trouxeram uma esquete teatral, cômica e bastante popular para o centro da praça. Destaque mais que especial ao público presente que (em sua maioria) parou, fez silêncio e respeitou a apresentação do grupo. Na volta e pra fechar a conta, os veteranos do Ópio encerraram a noite com seu pop rock dos anos 80 enriquecido com esteroides que não deixou ninguém parado. Destaque para a seleção bem legal das músicas com uma levada vitaminada e super energética, mas muito bem tocada. Confira aí como foi:



.