Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

CHOLDRABOLDRA

Aumentar texto Diminuir texto


CHOLDRABOLDRA
Por: Messias Silva

No centro da cidade se desencadeou
a fúria que a violência alardeou,
O Estado foi ao combate
ao vício e, no corpo-a-corpo, se deu embate,
O fiasco da investida se daria
mas não se evitou pancadarias,
Fizeram coisas que não se faz
foi aquele bafafá,
A mendicância aviltada
pela desavença não avisada,
O povo inconformado
o forrobodó formado...
Andarilhos furibundos
revoltados e gritantes vagabundos,
Descamisados em corre-corre
transeuntes assustados, dali, correm,
Na marra para se fazer valer
porém sem, prévio mandato à, ler,
A bárbara truculência investia aos infelizes
farrapos humanos cujos cachimbos seus deslizes,
A mão da lei foi implacável
àqueles de conduta inexplicável,
Fumar, em segredo, é ilícito...!
desacatos e espancamentos explícitos,
debate à, má, propaganda, aos lícitos...
todavia o faturamento é implícito;
nessa barafunda, cachimbadores, arrastados
desobedientes, confusos e desbocados,
Palavrões, sopapos, empurrões, pontapés
infiltrados gatos-pingados com papéis,
Rostos cobertos à cata dos niqueis do fumante
fumaças mau cheirosas, repugnantes,
Deploráveis, nas calçadas, sem moral; degradados
desdentados, piolhentos; dos seios, degredados,
Renunciaram, ao esquecimento, seus valores, seus adjetivos
agora preferem encerrar a vida de formas pejorativas,
Causadores do asco e indiferenças
cada qual teve sua história, suas ciências,
No passado; doutos, respeitados
hoje; escandalosos, horripilantes, despeitados...
arruaceiros, inquietos; em rivalidades
¨à mercê: da intimidação, da hostilidade...
confronto violento, exacerbado
enfurecido, intenso, selvagem; exagerado...
calunioso, ousado, perturbável
alienado, fomentado, intolerável...
exasperado, grosseiro, nervoso
colérico, cruel, insensível; rigoroso...
brigão, briguento, agitador, contrário
barulhento, cruel, contendor; temerário...
arrebatamento, alvoroço, atrapalhadas
algazarra, alaridos, pandemônio, gargalhadas...
choque, quebradeira, revolução
deus-nos-acuda, inquietação
nervosismo, raiva, irritação...
lutas, levante, ímpetos
intransigências, motim; dos ímpios...
multidão hostil, balbúrdia
excessos, oposição, absurdos...
manifestação contrária, exorbitância
sublevação; ataques à distância...
pé-de-guerra, baixaria
tumulto, furor, euforia...
quebra-pau, estragos, desordem
gritos, discussão, discórdia
desentendimentos; falácia sórdida...
ultimatos, disputas, clamor
desassossego, confusão, ironias, desamor"...
Objetivo esdrúxulo aos marginais-sociais
apanhou a imprensa; registros nos jornais,
a mídia espancou o escudo resistente
sorria: você é filmado constantemente...
a tentativa, "para inglês ver", até eu faria!
não há aparatos às periferias...!
O contraste existe sem solução, sem êxito
às vistas do mundo o, aberrante, êxodo:
pelas ruas, praças e viadutos
sem direito à salvos-condutos,
o adeus ao Teatro Municipal
sarjetas, vias principais
no horário da ração matinal,
caminhando e o desjejum a fumar
rejeitados a sentidos incertos a rumar,
às vistas-grossas às crianças; ¨cheirando¨
insensíveis às mulheres; chorando,
às portas, os pés, descalços
nem religiosos compartilham os percalços,
recolher mendigos, ao abrigo, nem pensar...!
o altivo egoísmo a dispensar,
em flagelo... os pés-de-chinelo,
os habitantes à tolher
sob o toque-de-recolher,
vários "nãos" por onde passavam
à sanarem-lhes a fome os espíritas pensavam,
anjos,"existem" na pessoa franciscana, da paz
senhorinhas notívagas a os alimentar;
"elas" as, "verdadeiras",assistentes sociais!
Pça. da Sé, Arouche, 23 de Maio
Júlio Prestes, Ipiranga, Prestes Maia,
viaduto Minhocão; o Elevado Costa e Silva
região do Brás, Celso Garcia,
viaduto do Chá, Sumaré, av.Paulista
Dr. Arnaldo, Zona Sul, Bela Vista,
São João, Cruzeiro do Sul, Consolação
Francisco Matarazo, Aurora, Aclimação,
Av. São Luiz, Anita Garibaldi
Sta. Cecília, Barão de Limeira, Liberdade,
Av. Angélica, Pça. Marechal, Jabaquara
Sumaré, Júlio Mesquita, Sto. Amaro,
Brigadeiro Luiz Antônio, Guarulhos
Rua Benjamin Constant, República, Nove de Julho,
Av. Morumbi, Viaduto Anhanguera
marginal Pinheiros, Tietê, Ibirapuera...
Ao Palácio, protestar, baforidos pela bebedeira...
se banharam ao jorrar das mangueiras;
Nessa hora; os Direitos entram em contenda...!
nos Poderes; nada que se entenda...
Na ausência de sinergia
julgando metástase sem energia,
Assim a divergência e dicotomia
deu lugar a liberdade; autonomia;
O acontecido não foi por acaso
mas não foi possível abafar o caso;
Os direitos humanos; a embreagem engatada
na choldra; o Governo de mãos atadas...

.