Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Um pouquinho mais sobre Olavo Passos

Aumentar texto Diminuir texto


Presadíssimos leitores,
Há sete meses que partilhamos do Drama Quotidiano de Olavo Passos, narrado por ele mesmo e publicado em nosso querido Ôxe!.
Tomo a liberdade de, aqui, dizer mais algumas coisas sobre este pitoresco personagem: Nascera... Há sete meses, neste universo marginal e turbulento da mente deste que vos fala. Mora cá na periferia, com os pais, e trabalha na capital, como digitador num escritório de contabilidade, seus patrões: Sr. Leonel e Dona Brigida. Faz suas viagens diárias ao trabalho, e passa por situações trágicas e cômicas, nos confortáveis transportes públicos. Não é “mais um”, e um... Como ele só, quase politicamente correto, ama a literatura e os pequenos primores da vida, não aprecia o oportunismo, não aprecia os fumantes, a falta de humanidade, nem o anarquismo...
Por vezes, o admiro. Por vezes, alguma de suas ideologias não me agrada, então eu o tolero... Mas, com toda certeza, é um cara que convidaria para tomarmos umas cervejas...
Já me indagaram de sua idade, já me indagaram de seu futuro... Bem, Olavo Passos quer um diploma pra autoafirmar-se como indivíduo pensante, logo ele não fez faculdade (ainda). Sobre seu futuro... Não sei. Ele mesmo o traça.
Enfim, convido-vos a acompanhar esta série, e se você já acompanha fique atento no próximo episódio.
Au revoir.