Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Como vovó já dizia...

Aumentar texto Diminuir texto
Desde pequena, eu fui criada com algumas premissas básicas, minha avó sempre me disse que respeitar o próximo está acima de tudo, que eu não devia julgar ninguém, não poderia roubar, matar, esse discurso que quase todo mundo tem que ouvir. Isso foi importante pra minha formação, mas hoje eu tenho certeza que quase todo mundo ouviu isso, conhece esses princípios básicos para se viver em uma sociedade, porém grande parte não aprendeu e não respeita o individual e até mesmo os grupos sociais que temos. É vergonhoso!
No início dessa semana, olhando alguns sites que representam gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais, me deparei com um site muito interessante que tratava essa temática e lá havia um comentário sobre Myrian Rios, na hora me veio uma atriz global na cabeça, pesquisei um pouco mais e vi que agora ela é deputada do RJ, pensei novamente: Ok, se o Tiririca está nesse lamaçal da nossa política, porque ela não pode desfrutar disso também, pesquisei um pouco mais e vi um vídeo dessa tal discursando contra a PEC 23 do Rio de Janeiro, que é parecida com a PL 122, uma lei nacional que torna crime a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero - equiparando à discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, sexo e gênero, lei que já devia estar aprovada faz tempo, por questões óbvias.
Foi difícil achar um vídeo dessa deputada, sem considerações religiosas, trechos da bíblia, etc, mas achei um que é uma resposta ao discurso patético da ex-atriz, ex-Roberto Carlos e que pra mim se mostrou uma excelente ex-cidadã. Ela se diz uma representante do povo, uma mulher que não é preconceituosa, uma mãe preocupada com seus filhos, que acha que orientação sexual se ensina, que ousa comparar orientação sexual com pedofilia, que acha a homofobia apenas um problema de escolhas, já que todos os gays escolhem ser assim, são rebeldes que escolhem ir contra tudo e todos apenas por capricho, até porque, segundo ela, isso é uma coisa que você pode ensinar aos seus filhos, apenas dizendo pra eles que a orientação sexual da família é outra, é normal, homem com mulher, mulher com homem e pronto, o menino já está formado e será com toda certeza um heterossexual, ironias à parte, senhora deputada. Vamos falar sério, em dados estatísticos!
Um relatório divulgado pelo GGB (Grupo Gay da Bahia) revela que 260 gays, travestis e lésbicas foram assassinados no Brasil no ano passado, um crescimento de 31,3% em relação ao mesmo período de 2009 (198 mortes violentas). Em relação aos últimos cinco anos, o aumento é ainda muito maior: 113%.
Depois disso tudo, você que está lendo esse texto e não se acha preconceituoso, mas também não gosta de ver casais gays por aí, assuma! Você é sim, preconceituoso, tente trabalhar com isso ou continue na sua ignorância, porque você está na corja assassina da Myrian Rios, que mata muitas pessoas todos os dias, e não apenas fisicamente, matam uma luta, um movimento que tenta a todo custo mostrar a importância que tem uma sociedade igualitária onde não interessa com quem dorme fulano ou sicrana, onde a política é mais importante do que a cama, onde a corrupção causa mais indignação do que beijar pessoas do mesmo sexo, onde a pobreza é preocupação e o amor é livre. Mas pra chegarmos nesse ponto, se chegarmos, ainda teremos que ver esse tipo de cena apelativa por parte de muitos “representantes” reacionários, mas não calados, eu não me calo e espero ainda ver muita gente falando, lutando e se indignando com essas atitudes ex-humanas.

Veja o vídeo do discurso da Myrian Rios e compare com o outro vídeo abaixo, uma sátira muito interessante pra mostrar como a deputada sabe do que está falando.






Saiba mais sobre o que anda acontecendo, acesse o site do GGB e diga Não a Homofobia.