Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Tratamento para transtornos no Hospital das Clínicas

Aumentar texto Diminuir texto
Foi divulgado ontem em algumas mídias e em destaque no Jornal Metrô News, que o Instituto de Psiquiatria (IPq) do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da USP (HCFMISP), está em busca de pacientes interessados no tratamento de oito tipos de transtornos psíquicos. Estão disponíveis centenas de vagas. Os tratamentos são gratuitos.

Crianças entre 7 e 17 anos, com sintomas de Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC), como, por exemplo, medo de contrair doenças, mania de arrumação ou repetição de ações, ou que apresentem Transtorno de Ansiedade, devem passar por triagem.

A partir dos 18 anos, pessoas diagnosticadas com Transtorno Bipolar (tipo 1), Depressão e Transtorno Bipolar (tipo 2), Transtorno Obsessivo-Complusivo (TOC 1) e Compulsão Sexual também podem procurar pelo atendimemto.

Acima de 40 anos, pessoas de ambos os sexos, jogadores ou ex-jogadores compulsivos e idosos entre 65 a 80 anos, com sintomas de perda de memória ou doença de Alzheimer, também são avaliados.

De acordo com o IPq, o número de vagas pode variar entre 15 e 100 pessoas, de acordo com o grupo a ser tratado. Todos os tratamentos são realizados por meio de um projeto de pesquisa, com prazo para começar e terminar, e duração em média de um ou dois anos.

Todos os pacientes são submetidos a um processo de triagem para avaliação do perfil e das características exigidas em cada uma das pesquisas. Quando encaixado no tratamento, o paciente recebe medicamentos, psicoterapia e exames clínicos.

Segundo o IPq, é grande a busca pelos tratamentos oferecidos. No entanto, há certa dificuldade no momento de preencher as vagas porque “às vezes o projeto quer voluntários com perfil tão específico que acaba não conseguindo o número necessário de pacientes”, informou por meio de sua assessoria de imprensa.

Interessados em participar do projeto de pesquisa e tratamento devem ligar para os repectivos números telefônicos (leia o quadro) e agendar triagem.

Confira os telefones:

Tratamento                                                  Contato                
Bipolar                                                         (1) (11) 3069-7928
Depressão e Transtorno Bipolar                    (2) (11) 3069-6648
Transtorno Obessivo-Compulsivo – TOC     (1) (11) 3069-6972
Crianças e Adolecentes com TOC                (2) (11) 3069-6972
Crianças com Transtornos de Ansiedade            (11) 3069-6978
Idosos com Perda de Memória                          (11) 3069-7283
Compulsão Sexual                                             (11) 3069-6982
Compulsão por Jogos de Azar                           (11) 3069-7805

Fontes: Jornal Metrô News e IPq - HCFMUSP
Imagem: Catraca Livre