Ops!!!

Não era bem isso que você esperava encontrar???

Mas não se preocupe, se você chegou até aqui
é porque ainda não sabe da grande novidade.

Pois bem, passamos por uma reformulação completa e agora mudamos de endereço. 

Oxe o que e

A partir de agora todo os posts publicados no blog do ÔXE! estão abrigados neste novo endereço.

Então sem mais delongas, para continuar acompanhando o ÔXE!, saber de todas as novidades da Associação Cultural CONPOEMA e do Teatro Girandolá, acesse:

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Encontrão dos Desvairados - Confira aqui o que rolou!

Aumentar texto Diminuir texto
Aconteceu no ultimo domingo (11/10) o Encontrão dos Desvairados na praça Belém da Serra (praça do coreto) que levou teatro, música, contação de estórias e dança para o ensolarado domingo moratense. Na ocasião, também aproveitamos para lançar a edição de Outubro do Informativo Ôxe! (confira neste post). A iniciativa foi do Movimento Moratéia Desvairada em associação com Instituto Vida Viva e membros da sociedade civil do Conselho Municipal de Cultura. A ação ocupou (literalmente) o espaço, contrariando a Coordenadoria de Cultura do município que teria dito que "vocês [Movimento Moratéia Desvairada] não tem que avisar, tem que pedir para ocuparem a praça e nós não autorizamos nem assumimos responsabilidade sobre o que possa ocorrer lá!". Segundo a coordenadoria, a praça se encontra em reforma e sua reinauguração está prevista para breve, mas vale lembra que a praça é um espaço público, não se encontra interditada e que há alguns dias a mesma foi ocupada pelo ensaio aberto da escola de samba da cidade. Nada contra a escola de samba, mas acreditamos que o que vale para o "Chico" deve valer para o "Francisco" também.

Ao contrário do que aconteceu nos últimos dias chuvosos, o sol , mais uma vez, deu as caras para aqueles que se preocupam e lutam pela cultura no município e tivemos um bonito dia de domingo coroando as ótimas apresentações no local. Por outro lado, a praça, em especial o coreto, se encontrava em condições deploráveis de abandono, o que obrigou os “invasores” a um instantâneo mutirão de limpeza do local (usado comumente como banheiro, já que os próprios permanecem trancados). Apesar disso, o “moral invasor” não foi abalado e a ação transcorreu calmamente e de modo agradável, sem excessos ou confusões, marcada predominantemente por um público flutuante que prestigiou as 7 horas de evento ocupação. Um destaque especial às belíssimas cenas apresentadas pelos grupos Teatro de Segunda-Feira e Teatro em Carne e Osso; a jam-session que misturou brinquedos cantados, rock e hip-hop; a participação coletiva na ciranda final, puxada por Seu Júlio, e ao morador de rua, que ocupa a parte debaixo da escada do coreto, pela paciência de ter seu espaço invadido.

Confira as fotos abaixo:



Mutirão de limpeza do local:







Ciranda Cor de Prata na abertura:





Cena - Teatro de Segunda-Feira:






Contação de estórias - Teatro Girandolá:






Contação de estórias - Arnould:







Leitura Dramática - Teatro em Carne e Osso:






Instituto Vida Viva:






Apresentação musical - Ana Elisa:






Apresentação Musical - Naldo:






Apresentação musical - Banda Tento:





Jam-Session - Macacumba:






Jam-Session - G.R.A.D.I.:






Apresentação musical - banda Tento (com intervenção de dança do ventre):






Intervenção - Ciranda Cor de Prata e Banda Tento:






Apresentação musical - banda Ecléticos: